segunda-feira, 6 de outubro de 2008

Burrice porto-alegrense

O resultado das urnas nesse domingo só tem uma coisa a confirmar: Porto Alegre virou território de burros, não de ignorantes, mas de burros.
Não falo das votações em Marias, Manus ou Lucianas, mas na de Fumaça.
Inacreditável.
Os concorrentes vinham com propostas, virtuais.
O atual prefeito vinha de 4 anos de desastres, de buracos, obras atrasadas, mal feitas, recapeamentos em horas de rush, ônibus sem ar-condicionado, sujos, lixeiras a 2 meses da eleição, o Pronto Socorro virado num lixo, cheio de ratos, mais uma série de coisas, concretas.
Na minha opinião, o bananão não faria nem 30% de votos.
Pois é. Subestimei Porto Alegre.
A bonita, mas burra Porto Alegre...

2 comentários:

heliopaz disse...

Guga,

A esquerda é muito mais burra do que a classe média. Caso contrário, não teria nem perdido a administração há quatro anos atrás.

Não adianta: por pior que seja admitir isso, se o PT quiser MESMO voltar a governar, tem que trabalhar a imagem de marca do candidato (propaganda), trabalhando para aumentar seu valor simbólico e intangível.

Na hora da propaganda, infelizmente, é questão de sobrevivência política vender uma candidatura como se fosse um produto. Em primeiro lugar, porque Porto Alegre já apresenta uma população predominantemente classe média há um bom tempo.

A classe média é altamente conservadora, pois gostaria de ser como os ricos que admiram e acham que são exemplos de "sucesso" e de "trabalho" ao mesmo tempo em que morrem de medo de perderem os poucos bens materiais e a renda razoável que possuem.

Além disso, é necessário às vezes ser humilde e sujeitar-se a ceder a cabeça de chapa para um PC do B, PSB ou até mesmo um PDT da vida de vez em quando.

O PT só ficou isolado porque quis.

Com a diferença que ficou, não há a menor possibilidade de ganhar: o trabalho pesado de campanha deveria ter sido realizado no 1º turno, a fim de tentar manter a diferença em não mais do que 5 pontos.

Nessa hora, acredito na máxima de Nelson Piquet: "O SEGUNDO É O PRIMEIRO DOS ÚLTIMOS."

[]'s,
Hélio

guimas disse...

Concordo com o heliopaz, e acrescento: a imagem do PT está pra lá de maculada, tem uns 20 anos de queimação de filme acumulados. O PT precisa urgente ceder a cabeça de chapa pra outro partido.

E digo mais: se a candidatura fosse Manuela/Maria do Rosário, as chances seriam muito maiores.

Mas o PT se isolou e a Manuela foi pro outro lado. E o PT vai ficar sem mandato de novo. E Fogaça, sem precisar fazer NADA, ganha.