terça-feira, 31 de março de 2009

O Grêmio deveria largar de mão o Gauchão

Se continuar do jeito que está, com privilégios distribuídos tanto em arbitragem quanto em decisões de administração da Federação Gaúcha para um único clube, acho que o Grêmio deveria entrar sempre com time júnior (ou "b") no Gauchão.
É incrível o que vem acontecendo nos últimos anos. Somente em 2009 foram várias arbitragens desastrosas contra o Tricolor. Contra a Ulbra, que eu vi presencialmente lá no estádio da universidade, o Vuaden foi simplesmente irritante, desesperador...
Quer dizer, dá até um desânimo.
Acredito que deva ter, inclusive, uma regra de que não se pode dar pênaltis para o Grêmio. É patético, enquanto que outros têm as penalidades marcadas tão facilmente.
Os últimos presidentes da FGF eram - e são - conselheiros de um grande clube daqui. Suas decisões SEMPRE beneficiaram a este, em detrimento do Grêmio e de outros que vieram a cruzar o caminho daquele. Teve final que terminou antes do tempo, atraso de bola pra goleiro que não foi marcado, drenagem que não funcionou no dia do jogo e se transferiu a partida, gols anulados, pênaltis esquisitos marcados, antidopping driblado. Olha...
A grande torcida deste imenso clube, inclusive, não tem culpa disso. Não dá para responsabilizar, por exemplo, meu amigo Marcelão se a máfia funciona beleza nos bastidores e ele vibra por alguns dos louros "conquistados" desse jeito.
O que não dá mais é pra nós, Gremistas, nos sujeitarmos a isso, a essa sujeira.
Tá bom, se querem o Gauchão, levem embora logo e não encham o saco!
Se temos Libertadores, reforço minha opinião de que dispensemos o estadual, que joguemos sempre com juniores e/ou time "b" pra não valorizar a sujeira, pra não se desgastar e, quem sabe, desenvolver alguns talentos.

FODA-SE O GAUCHÃO!

Dá-le!

6 comentários:

Fabricio Leal disse...

Concordo plenamente. Já venho defendendo essa idéia há muito tempo. Há outras regras sendo aplicadas também, como por exemplo:
- É permitido, no máximo, um pênalti por partida contra o Inter. Depois dele ter sido marcado, tapa na bola dado pelo zagueiro dentro da área é considerado normal.
- Deve ser marcado também um pênalty a favor do Inter na mesma partida.
E por aí vai...
Eu já perdi a credibilidade há muito tempo no gauchão... só não vê quem não quer...

gremiodecoracao disse...

não tem mais o que dizer. disse simplesmente tudo ;)



beijos!

Anônimo disse...

(Jorge Nogueira)

Por isso q o Milton Neves chama o Grêmio de time chorão! Reclamar de erro de arbitragem contra clubes pqnos do interior do Estado é o cúmulo da choradeira! Chega a ser risível! Depois ñ entendem o pq dos KKKs... KKK

Ano passado o apito amigo rolou solto para os Segundinos no Brasileirão contra: SP, Ipatinga, Palmeiras, Figueira, Grenal, Santos, entre outros! Só q nem assim conseguiram ganhar o Brasileirão!

Ñ deveriam desdenhar o Gauchão assim e querer abandoná-lo. Pode ser o único título q tenham condições de ganhar esse ano. Isso se o Campeão de Tudo deixar! KKK

Eu, depois de ser Campeão de Tudo quero começar de baixo: Tríplice Coroa regional, depois da internacional! KKK

André disse...

Ué, mas escutei choro colorido após o empate com o Juventude, e o Ju não é um clube do interior? Esse Jorge Nogueira não passa de um arrogante idiota, bem coisa de neo-liberal da beira do lago, uma pessoa com complexo de Édipo mal resolvido, ama o pai, mas não admite, não tem fundamento nenhum, se apega a flauta de boteco, só merece ser ignorado. Conheço alguns colorados inteligentes que dá gosto de discutir futebol, não é o caso deste pobre ser.

Anônimo disse...

Jorge Nogueira:

KKK pra mim é Ku Klux Klan.

Anônimo disse...

(Jorge Nogueira)

André quem reclamou foram os dirigentes do Campeão de Tudo e ñ os torcedores como estamos vendo aqui! Os dirigentes estão no papel deles!

E te informo q ñ tenho nenhuma simpatia pelo neoliberalismo e mto menos pelo capitalismo (em qq roupagem)! Defendo o socialismo!

Opções ideológicas variadas há nos dois clubes. Se há neoliberais no Gigante tb há na Azenha!